Error: Only up to 6 modules are supported in this layout. If you need more add your own layout.

Nota sobre a morte da médica Nadja Leme

Escrito por Dary Pereira de Souza Junior. Postado em Assessoria de Imprensa

A Fundação Estatal de Atenção à Saúde (Feas) lamenta a morte da médica Nadja Maria Patricio de Araújo Leme, ocorrida nesta quarta-feira (17), em Campo Largo, na região metropolitana de Curitiba. Paraibana, ela estava na fundação desde 2012, quando passou a fazer parte da equipe da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Cajuru. Em 2019, com a ampliação do escopo de atuação da Feas para a atenção primária, a médica também começou a atender na unidade de saúde Barreirinha. Seus colegas e seu histórico na fundação dizem que era uma excelente profissional, de grande coração, e muito atenciosa com os pacientes. Como tinha 62 anos e lutava contra um câncer em plena pandemia, Dra. Nadja era mantida em casa, embora quisesse muito voltar ao trabalho. Hoje, não resistiu às complicações da doença. Não haverá velório. Seu corpo será levado para João Pessoa (PB), onde está prevista a cremação. Deixa seu marido, Florisvaldo de Oliveira Leme.